Mantenha o peso conquistado: evite o efeito sanfona!

Depois de meses de dieta para conquistar o tão sonhado peso ideal, muitas pessoas acabam relaxando e engordando tudo de novo. Pode parecer triste, mas essa realidade não está distante de cada um de nós. O desafio é tão grande que faz com que muitas pessoas caiam no temível efeito sanfona: o ato de engordar e emagrecer rapidamente.

Se você quer entender mais sobre o assunto e como evitar esses efeitos, então vai adorar a postagem de hoje. Vamos lá? 

O que é o efeito sanfona, afinal?

O efeito sanfona é um problema sério e mais comum do que muitas pessoas imaginam. Milhões de pessoas ao redor do mundo sofrem os efeitos de engordar e emagrecer repetidas vezes e em um curto espaço de tempo.

Depois de muito esforço, o resultado de engordar normalmente acontece depois de dietas muito restritivas. Após tanto tempo de privações, a pessoa acaba relaxando com o fim das imposições e volta a comer normalmente. O resultado é uma rápida recuperação do peso de antes.

O assunto é tão sério que alguns nutrólogos afirmam que, depois de chegar ao peso ideal, você ainda precisa desempenhar um controle de mais ou menos 3 anos de duração. Isso significa que você conseguiu consolidar a conquista daquele peso. Ou seja, emagrecer e permanecer no peso não é uma tarefa tão simples assim.

Tudo isso sem contar que as alterações hormonais, peso de massa muscular e a própria idade são alguns dos fatores que começam a diminuir o metabolismo e a desacelerar o gasto de calorias.

Por que é prejudicial?

O nosso organismo é muito inteligente e, justamente por isso, está sempre tomando medidas que favoreçam seu perfeito funcionamento, sem ameaçar a integridade. Quando você adota uma dieta muito restritiva, por exemplo, começa a emagrecer muito em um primeiro momento, o que traz ótimos resultados.

Depois de alguns dias, seu organismo percebe que alguma coisa está errada e que você está perdendo muita massa magra, o que não é nada bom. Para preservar, ele diminui o seu metabolismo, economizando energia e, com isso, diminuindo os gastos. O resultado disso, como você já deve ter reparado, é aquele momento em que a dieta dá uma “estagnada” e você para de perder peso.

Além disso, outro ponto a se analisar é se você muda seus hábitos. A maioria das pessoas acaba voltando a comer da mesma maneira que antes quando atinge o peso que queria, descuidando da alimentação.

Assim, seu organismo (que ainda está trabalhando pensando em economizar energia) acaba estocando esses novos alimentos para uma eventual necessidade pois não precisa de toda energia fornecida. Por conta disso, as pessoas rapidamente recuperam o peso que tinham perdido.

E o pior: o organismo vai criando uma resistência para este tipo de situação, fazendo com que a perda de peso aconteça com muito mais dificuldade. Ou seja, seu organismo vai criando uma resistência com o processo de emagrecimento, o que não é nada bom.

E mais: o efeito sanfona também não faz nada bem para a saúde. Ele pode favorecer o surgimento de muitos problemas de saúde, além de aumentar os níveis de colesterol, enfraquecer o sistema imunológico e outros fatores. Ou seja, muitos motivos para evitar esse engorda e emagrece, concorda?

O que posso fazer para mudar?

Bem, depois de saber sobre o efeito sanfona e como ele faz mal para sua saúde e para quem quer conquistar o emagrecimento, você deve estar se perguntando o que você deve fazer para evitá-lo, não é mesmo? Veja algumas opções:

Aposte na reeducação alimentar

Para não ter que enfrentar todas essas dificuldades em manter o peso, a melhor maneira é apostar em uma nova forma de comer: a reeducação alimentar. Mantendo os hábitos saudáveis, você consegue se saciar, ter todos os nutrientes que precisa e ainda se sentir bem!

Portanto, invista em uma dieta em que a quantidade de calorias ingeridas seja igual ou menor a quantidade gasta. E mais que isso: aposte em uma dieta saudável, com novos hábitos e novos alimentos. Assim, você consegue controlar o peso de forma mais eficiente.

Com o passar do tempo, você vai ter mudado seus hábitos e não vai sofrer mais com um descontrole alimentar, conquistando o peso que você tanto sonha de vez. 

Invista seu tempo na academia

A prática de atividades físicas deve acontecer antes e depois de conquistar seu objetivo – com um enfoque ainda maior depois. Não abra mão deste cuidado depois de conquistar o peso que queria.

O exercício físico regular ajuda muito no controle do peso. Por isso, você deve investir nos exercícios semanais pelo menos 1h por dia (ou a cada dois dias). Não abra mão de uma visita a academia ou a qualquer outra atividade que você goste. Assim você relaxa, se distrai e cuida do seu corpo. E cuidar do corpo é um ponto fundamental para evitar o efeito sanfona.

Promova um equilíbrio entre corpo e mente

Para viver bem é muito importante estabelecer um bom equilíbrio entre o corpo e a mente. E cuidar do seu corpo, do seu peso e de você é uma das melhores maneiras de fazer isso. Caso prefira, você pode apostar em uma atividade que promova isso, como o pilates ou o yoga, por exemplo. Assim você controla a respiração, relaxa e se exercita.

Ainda assim, existem diversas outras alternativas. Qualquer exercício físico já faz muito bem para a saúde. A sensação de bem-estar é tão boa que faz com que as pessoas se sintam mais felizes e bem dispostas para viver bem.

Depois deste panorama geral sobre o efeito sanfona, você pôde aprender o que ele é, como essa variação de peso afeta a sua saúde e como mudar esta realidade. Não deixe de investir nesses cuidados e viver de forma mais plena e feliz!

Se você ainda tem alguma dúvida ou gostaria de mais alguma informação sobre o efeito sanfona, não deixe de comentar. Assim, conseguimos entender seus dilemas e ajudar você a compreender melhor a lidar com estas questões. Nos encontramos na próxima! Até lá! 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This