Você sabe como identificar uma crise de ansiedade?

Saber como identificar uma crise de ansiedade é a melhor forma de evitá-la ou de ajudar quem sofre com esse problema. A ansiedade é uma emoção comum diante de uma entrevista de emprego ou a apresentação de um trabalho na faculdade, por exemplo. Mas, quando essa sensação se torna exagerada, fazendo com que a pessoa tenha preocupações e medos extremos em situações rotineiras, torna-se uma doença.

As causas do distúrbio de ansiedade podem estar relacionadas a fatores genéticos ou externos, como um trauma psicológico, dificuldades financeiras, profissionais ou no relacionamento, estresse e doenças físicas. Esse quadro pode fazer com que a pessoa não queira sair de casa, não sinta apetite ou coma demais, levando ao desenvolvimento da depressão.

Geralmente, o transtorno só é percebido quando o indivíduo vai parar no hospital, uma vez que os seus sintomas são parecidos com outras patologias. Quer cuidar mais da sua saúde? Descubra, abaixo, como reconhecer uma crise de ansiedade e tratá-la corretamente!

Avalie o seu nível de tensão muscular

Durante uma crise de ansiedade, a produção dos hormônios que interferem na musculatura é elevada. Dessa forma, a pessoa passa a sentir dores constantes, o que atrapalha o seu sono. Portanto, se você não fez esforço físico, mas mesmo assim está com o corpo dolorido, saiba que esse fato pode estar ligado ao seu estado psicológico.

Observe a regularidade do seu sono

É comum que antes de a ansiedade virar um transtorno, você tenha dificuldade para dormir. Isso ocorre porque a mente não consegue se desligar das preocupações e problemas, fazendo com que a sua energia seja reduzida — condição que facilita uma crise ansiosa.

Perceba se você sente medo constante

A doença faz com que o ansioso tenha medo constante, tendo a sensação de que está perdendo algo, de que vai fracassar ou de que não é bom o bastante. Além disso, o indivíduo pode ter dificuldades para ficar sozinho.

O excesso de medo acaba comprometendo a segurança nas relações, sejam elas pessoais ou profissionais.

Preste atenção na sua respiração

Um dos sintomas mais comuns da crise de ansiedade é a sensação de sufocamento, pois a pessoa sente-se sem ar. Se quando você fica com medo de alguma coisa, começa a ter dificuldades para respirar, a tendência é que esteja sofrendo de ansiedade.

Fique atento aos sinais do seu coração

Em momentos de angústia, o seu coração pode acelerar ou doer, o que faz com que as pessoas pensem que estão infartando. Porém, mesmo após os exames de eletrocardiograma e ecocardiograma, nenhum problema cardíaco é detectado. Situações como essa também podem indicar crises de ansiedade.

Analise as mudanças no seu corpo

De uma hora para outra, você começa a suar excessivamente, sentir tremores nas mãos e pernas, ter a sensação de cansaço e formigamento pelo corpo, boca seca e náuseas. Tudo isso indica que o transtorno de ansiedade pode estar bastante avançado.

Entenda como controlar uma crise de ansiedade

Quem está sentindo os sintomas citados anteriormente, antes de qualquer coisa, deve procurar a ajuda de um médico, que vai indicar remédios para controlar os problemas físicos e acompanhamento psicológico para tratar a sua mente.

Contudo, em meio a uma crise, o mais recomendado é focar na sua respiração, procurando respirar fundo e com calma, relaxe os músculos e pense em coisas positivas até a angústia passar. Também é indicado ficar em lugares conhecidos e com pessoas que transmitam segurança.

Agora que você sabe como identificar uma crise de ansiedade, siga as nossas dicas para evitar esse mal. Além disso, saiba que, com a mudança de alguns hábitos, como a adoção da prática de exercícios físicos, a alimentação saudável e o tratamento das suas emoções, é possível controlar a doença e aumentar a sua qualidade de vida.

Achou este post interessante? Tem alguma dúvida? Deixe o seu comentário aqui embaixo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This